Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Daily Archives: 06/09/2016

Catadores de recicláveis encontram recém-nascido morto em lixão na BA Caso ocorreu nesta terça-feira (6), em Barra do Choça, no sudoeste do estado.

Share Button

O corpo de uma menina recém-nascida, ainda com o cordão umbilical, foi encontrado no lixão do município de Barra do Choça, no sudoeste da Bahia, na manhã desta terça-feira (6). As informações são da Polícia Civil.

Recém-nascido encontrado em lixão na Bahia (Foto: Reprodução / TV Sudoeste)Recém-nascido estava enrolado em lençol e em
colcha (Foto: Reprodução / TV Sudoeste)

De acordo com a polícia, o corpo da menina foi achado por catadores de materiais recicláveis da região. O bebê estava enrolado em um lençol e uma colcha, ambos sujos de sangue, e sob um pedaço de tábua. A suspeita é de que o bebê tenha sido deixado no lixão logo após o nascimento, informou a polícia.

Uma investigação apura a identidade da mãe do bebê ou de quem teria deixado a criança no local. Até o fechamento desta reportagem, nenhum suspeito havia sido identificado. O corpo da menina foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Vitória da Conquista, a cerca de 28 km de Barra do Choça, para determinar se ela morreu no parto ou se foi assassinada.

MPF aciona prefeito de Biritinga (BA) por omissão na prestação de informações

Share Button

[POÇOES24HS]

[POÇOES24HS]

Gilmário Souza de Oliveira ignorou requerimentos do órgão e não enviou documentos referentes a licitação, o que configura ato de improbidade administrativa

O Ministério Público Federal (MPF) em Feira de Santana (BA) ajuizou, na última sexta-feira 2 de setembro, ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra Gilmário Souza de Oliveira, prefeito do município de Biritinga, a 222km de Salvador. O gestor é acusado de omissão por não ter enviado documentos solicitados pelo órgão, referentes a uma licitação.

Segundo o MPF, o prefeito foi oficiado quatro vezes entre abril de 2015 e agosto de 2016 para que fornecesse cópias dos documentos de licitação e pagamento de execução de obras no povoado de Montanha, em Biritinga. Não houve resposta por parte do gestor, que já havia deixado de atender a pedido do MPF: em fevereiro deste ano, o órgão requisitou à prefeitura documentos comprovando o pagamento do 13º salário do ano de 2015 aos professores municipais de Biritinga. Mesmo após quatro requisições emitidas, o pedido também não foi atendido.

De acordo com o procurador da República Claytton Santos, a omissão do prefeito foi proposital: “o acionado deixou de responder às requisições ministeriais – dever jurídico que lhe cabia cumprir – com o evidente propósito de obstar a atividade fiscalizatória do Ministério Público Federal, o que configura ato de improbidade administrativa, de acordo com o art. 11 da Lei nº 8.429/92 (Lei de Improbidade Administrativa)”. Santos ainda ressaltou que “o administrador público é obrigado a dar publicidade a todo e qualquer ato da sua gestão, ainda que eventualmente tal publicidade possa trazer à luz provas de ilícitos por ele cometidos”.

As informações requeridas pelo MPF visam a fundamentar inquérito civil que investiga possíveis irregularidades em obras de pavimentação com paralelepípedo no povoado de Montanha, município de Biritinga, no ano de 2011.

O órgão requer a condenação de Gilmário Oliveira nas sanções previstas no artigo 37, § 4º da Constituição Federal e no artigo 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92, que incluem: a suspensão dos direitos políticos; a perda da função pública; o ressarcimento integral do dano, se houver; o pagamento de multa civil de até cem vezes o valor da remuneração do agente; e a proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios.

Confira a íntegra da ação.

Número para consulta processual: 9716-09.2016.4.01.3304 – Subseção Judiciária de Feira de Santana

UTILIDADE PUBLICA :ESSES DOCUMENTOS FORAM encontrados em poções QUEM FOR O DONO ENTRA EM CONTATO NR [73]98814-6117]

Share Button

e02fbedf-f35f-4f5c-ad51-a8e414d74ba2

NOTA DE REPUDIO CONTRA VAN NASIMEMTO PANORAMA GERAL. POR SER UM COVARDE E NÃO TER CORAGEM DE ENFRENTAR PESSOAS DE PESO DEFAMOU DUAS PESSOAS DA SOCIEDADE QUE NÃO TEMO COMO SE DEFENDER ALEM DE BOTAR O NUMERO DE TELEFONE DELAS.

Share Button

Resultado de imagem para VAN NASCIMENTO RADIALISTA POÇOES

RADIALISTA E BROGUEIRO VAN NASCIMENTO PASSOU DE TODOS OS LIMITES. NÃO TEM CORAGEM DE IR PRA SIMA DOS PICARETAS GRANDE DA CIDADE DE POÇÕES, ACHOU COM UM IRRESPONSÁVEL PEGOU UM ZAP DE DUAS PESSOAS SIMPLES DA CIDADE DE POÇÕES POSTOU UMA CONVERSA DE ZAP COM O NUMERO  DE TELEFONE DAS DUAS POR SEREM PESSOAS DO POVO ELE ATACOU SEM DÓ. SE VOCÊ TEM SUA OPINIÃO POLITICA BATE NOS GRADE QUE SE DEFENDE PORQUE ISSO TU NÃO TEM CORAGEM É UM COVARDE E PODE FALA DE MIM NO PIRATINHA DO SEU BLOG EU TENHO COMO ME DEFENDER PRA MIM VOCÊ NÃO É PROFISSIONAL É UM PALHAÇO COMETEU UM CRIME GRAVE VOCÊ PRA MIM É UM POLITIQUEIRO SEM CARÁTER NENHUM NEM MORAL SEU AMIGO E SÓCIO PODE TER SER DEFEITOS MAIS ELE VAI PRA SIMA DE PESSOAS GRANDES NÃO DE PESSOAS NORMAIS DE NOSSA SOCIEDADE, AS VITIMAS TOMARÃO SUAS ATITUDES A RESPEITO DO CRIME QUE VOCÊ COMETEU, CRIME  DA CADEIA DE 4 A 8 ANOS DE RECLUSÃO  E PODE RESULTAR EM MULTA.[quer fazer politicagem bate em gente forte não no povo ]

Podem tentar me derubar pode ter certesa sempre me levanto e cada vez mais forte

Share Button

blob:https%3A//web.whatsapp.com/ab9754d7-6b83-4036-98b4-e61de45e7592

Homem que teve corpo incendiado pela filha morre em hospital na Bahia Adolescente ateou fogo no pai e na madrasta enquanto casal dormia. No mesmo dia, garota matou mãe a pedradas na cidade de Jussiape

Share Button
Crime em Jussiape (Foto: Polícia Militar/Divulgação)Adolescente de 14 anos ateou fogo ao pai e a madrasta em Jussiape (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

O homem que teve o corpo incendiado pela própria filha enquanto dormia, no município de Jussiape, região da Chapada Diamantina, morreu na segunda-feira (5). A vítima estava internada no Hospital Geral de Vitória da Conquista, sudoeste do estado, e não resistiu aos ferimentos. A madrasta da adolescente de 14 anos também foi queimada, mas não chegou a dar entrada na unidade e passa bem.

O crime aconteceu dia 22 de agosto. Na ocasião, depois de queimar o casal, a adolescente fugiu e matou a mãe a pedradas ao ser encontrada por ela. A agressora foi localizada por policiais ainda no dia que cometeu os crimes e segue sob custódia da polícia e do conselho tutelar.

Crime em Jussiape 02 (Foto: Polícia Militar/Divulgação)Crime em Jussiape 02 (Foto: Polícia Militar/
Divulgação)

De acordo com a Polícia Militar, familiares relataram que a adolescente enfrenta problemas psicológicos. Em depoimento, a vítima confessou os crimes.

Caso
Uma adolescente de 14 anos matou a mãe a pedradas e ateou fogo no pai e na madrasta no município de Jussiape . O caso ocorreu na segunda-feira (22), em um povoado conhecido como Paixão. Pai e madrasta estavam dormindo quando foram incendiados com gasolina pela garota.

Após obter os relatos sobre o pai e madrasta da jovem, a PM seguiu para o povoado onde ocorreu o caso. No local, o avô paterno confirmou a violência e contou que a neta tinha fugido por uma região de matagal. Testemunhas acrescentaram que a mãe biológica da jovem saiu em busca dela

A PM contou que recebeu informações de populares de um corpo encontrado na mata. No local, foi constatado que a vítima era a mãe da jovem procurada. Investigações preliminares apontam que a vítima encontrou a filha, que ambas entraram em luta corporal e que a jovem acertou a mãe a pedradas. O corpo dela foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Brumado (DPT), na região sudoeste.