Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Category Archives: Esporte

Bahia escorrega e perde por 3 a 0 para Corinthians fora de casa Com o resultado negativo, o Tricolor caiu duas casas na tabela do Campeonato Brasileiro e foi parar na 15ª posição do torneio

Share Button
Foto: Nelson Barros/EC Bahia
Foto: Nelson Barros/EC Bahia

 

Após sofrer a primeira derrota diante da torcida, o Tricolor não conseguiu um bom resultado fora de casa ao perder para o Corinthians por 3 a 0, nesta quinta-feira (22), no Itaquerão, em São Paulo-SP.

Com o resultado negativo, o Bahia caiu duas casas na tabela do Campeonato Brasileiro e foi parar na 15ª posição do torneio, com 10 pontos.

Primeiro tempo – O Bahia começou bem na partida. Logo aos 5 minutos de jogo, depois de uma boa troca de passes, quase saiu o primeiro gol da equipe tricolor. Após cobrança escanteio na área corintiana, a bola sobrou para Allione, que cruzou no meio da bagunça. Zé Rafael pegou a sobra e bateu forte. Para a sorte dos donos da casa, o goleiro Cássio estava esperto e fez uma grande defesa.

A resposta do Coringão veio logo em seguida. Aos 10, o meia Jadson engatou um contra-ataque e lançou para Jô na linha de fundo. O atacante passou de calcanhar, mas Rodriguinho foi travado na hora do chute. O Esquadrão não se intimidou com a casa cheia. Aos 11, o lateral Eduardo tentou jogar com Edigar Junio, mas o volante Maycon afastou o perigo.

Aos 18 minutos da primeira etapa, saiu o primeiro cartão amarelo para a equipe do Bahia. Allione escorregou em uma disputa de bola e colocou as mãos na bola. Dois minutos depois, mais um ataque perigoso do Tricolor. Eduardo cruzou na entrada da área para Zé Rafael, que girou bem e passou para Vinícius. O meia chutou forte e a bola passou próxima à meta adversária. Aos 23, lance de perigo para a equipe alvinegra. Maycon passou para Romero, que tocou para Jô. Livre, o atacante bateu forte, mas por cima da meta do goleiro Jean.

Aos 24 minutos, festa no Itaquerão com o gol do Corinthians. O lateral Fagner fez uma belíssima jogada no meio de campo e engatou Jô. O artilheiro estava livre no lance, já que o zagueiro Rodrigo Becão escorregou no gramado. O camisa 7 não deu chances para Jeanzinho e deixou o seu. Aos 29, cartão amarelo para Becão. O defensor foi advertido depois de uma chegada mais pesada em Rodriguinho.

Aos 34, Renê Júnior tentou o seu de fora da área. O Bahia trocou passes e conseguiu chegar no campo adversário. Na jogada, a bola sobrou para o volante, que chutou para o gol, mas não levou perigo. Com a zaga do Timão fechadinha, o Esquadrão continuou a tentar de longe. Um minuto depois do lance anterior, Eduardo recebeu a bola na entrada da área, mas a bola passou por cima do gol de Cássio. Aos 39, a estratégia se repetiu. Zé Rafael passou para Vinícius, que arriscou um chute. O goleiro corintiano se esticou todo para evitar o empate, mas a bola foi para fora.

Perto do intervalo, Renê Júnior levou o seu terceiro cartão amarelo na competição. Desta forma, o jogador desfalca o Bahia na próxima partida do Campeonato Brasileiro. Logo em seguida, o árbitro da partida encerrou o primeiro tempo.

Segundo tempo – O time do técnico Jorginho retornou ao gramado com a mesma escalação que iniciou a partida. Aos 6 minutos, o Tricolor ainda chegou a balançar as redes do Corinthians, mas para a tristeza da equipe baiana, o lance estava impedido, e o gol foi anulado.

O jogo reiniciou quente dentro das quatro linhas. Aos 11, o árbitro expulsou o zagueiro Gabriel após tomar o segundo cartão amarelo depois de uma disputa de bola com o meia Vinícius. A equipe paulista não demorou muito tempo com um jogador a menos. Passados cinco minutos, Renê Júnior também levou o seu segundo amarelo no duelo e foi mais cedo para o vestiário.

Aos 19, o comandante tricolor fez a primeira substituição da equipe. O meia Allione saiu para a entrada do atacante Gustavo. Aos 25, Becão errou um passe no meio de campo e cedeu um contra-ataque para o Corinthians. O meia Rodriguinho abriu para Marquinhos Gabriel, que bateu pra fora. Aos 27, nova substituição no Esquadrão. Recuperado de lesão, o meia Régis entrou no lugar de Vinícius.

Aos 34, festa nas arquibancadas do estádio. O Timão ampliou o placar no Itaquerão após uma cobrança de escanteio. A bola desviou em Romero e sobrou para Balbuena. O zagueirão tirou de Jeanzinho e guardou no fundo das redes. Já nos acréscimos, ainda deu tempo de Marquinhos Gabriel fazer mais no finalzinho do confronto. O meia roubou a bola na entrada da área e colocou por cima de Jean. 3 a 0 para o Corinthians. Após o gol, o árbitro encerrou a partida.

Sequência – Agora, o Tricolor entra em campo dentro de casa contra o Flamengo, pela 10ª rodada do Brasileiro, neste domingo (25), às 18h30, na Arena Fonte Nova.

FINAL AMANHÃ DOMINGO DIA 18/06/17 ENTRE LAGOA GRANDE X TIGRÃO AS 9 DA MANHÃ NO CAMPO DO MOTEL PERTO DA BR 116 REALIZAÇÃO RAFAEL IZAM / APOIO DOS VEREADORES CARECA,TONINHO,LEORDINO

Share Button

[FOTOPOÇOES24HS]

[FOTOPOÇOES24HS]

Poçoes se despede do baianão sub 20 empatando com flamengo de Guanambi 1×1

Share Button

FBF WEBClassificação Grupo 4

P J V E D GP GC SG %
1 Teixeira de Freitas 13 6 4 1 1 11 8 3 72.22
2 Vitória da Conquista 12 6 3 3 0 7 3 4 66.67
3 Poções 5 6 1 2 3 4 6 -2 27.78
4 Flamengo de Guanambi 2 6 0 2 4 6 11 -5 11.11

P pontos, J jogos, V vitória, E empates, D derrotas, GP gols pró, GC gols contra, SG saldo de gols, (%) aproveitamento

POÇÕES EMPATA COM O VITORIA DA CONQUISTA E TÁ FORA NA PRIMEIRA FASE JUNTO COM O FLAMENGO DE GUANAMBI

Share Button

FBF WEBClassificação Grupo 4

P J V E D GP GC SG %
1 Teixeira de Freitas 13 5 4 1 0 11 6 5 86.67
2 Vitória da Conquista 9 5 2 3 0 5 3 2 60.00
3 Poções 4 5 1 1 3 3 5 -2 26.67
4 Flamengo de Guanambi 1 5 0 1 4 5 10 -5 6.67

Poções perde em casa para o Teixeira de Freitas por 2×1 com a vitória fora do time do vitoria da conquista o poções da praticamente fora da segunda fase

Share Button

FBF WEBClassificação Grupo 4

P J V E D GP GC SG %
1 Teixeira de Freitas 10 4 3 1 0 7 4 3 83.33
2 Vitória da Conquista 8 4 2 2 0 4 2 2 66.67
3 Poções 3 4 1 0 3 2 4 -2 25.00
4 Flamengo de Guanambi 1 4 0 1 3 3 6 -3 8.33

Poções sofre mais uma derrota no sub 20 – Teixeira de Freitas1X0Poções

Share Button

FBF WEB

Bode bate o Poções em Vitoria da conquista por 1×0 pela copa sub 20

Share Button

FBF WEB

Classificação Grupo 4

P J V E D GP GC SG %
1 Teixeira de Freitas 4 2 1 1 0 4 3 1 66.67
2 Vitória da Conquista 4 2 1 1 0 2 1 1 66.67
3 Poções 3 2 1 0 1 1 1 0 50.00
4 Flamengo de Guanambi 0 2 0 0 2 2 4 -2 0.00

P pontos, J jogos, V vitória, E empates, D derrotas, GP gols pró, GC gols contra, SG saldo de gols, (%) aproveitam

Anderson luta com seriedade, vence Brunson e se emociona no UFC 208 Brasileiro evita quedas do adversário, tem lampejos dos áureos tempos através de golpes plásticos e conquista primeira vitória oficial desde o UFC Rio 3, sediado em 2012

Share Button

Anderson Silva Derek Brunson UFC 208 (Foto: Getty Images)Uma sucessão de derrotas e questionamentos sobre o seu futuro foram situações que Anderson Silva precisou aprender a lidar nos últimos dois anos. Acostumado a enfileirar adversários, Spider não vencia uma luta desde 2012. Sem o cinturão do Ultimate, passou a semana dizendo que atua por prazer e amor ao esporte que pratica desde a adolescência. E, aos 41 anos de idade, fez sua habilidade e sua experiência superarem a juventude e o porte físico de Derek Brunson, dando ainda lampejos dos seus grandes momentos, por meio de chutes rodados e domínio no octógono. A vitória por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27) na co-luta principal do UFC 208, no Brooklyn, em Nova York, levou o brasileiro a quebrar um jejum de quatro anos e quatro meses e o recolocou no caminho trilhado desde o início de sua trajetória na modalidade.

Judoca Rafaela Silva dá primeira medalha de ouro ao Brasil

Share Button

A judoca brasileira Rafaela Silva vence Dorjsürengiin Sumiya, da Mongólia, e conquista a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Rio 2016rjsürengiin Sumiya, da Mongólia, na final na categoria até 57 quilos feminino. É a primeira medalha de ouro do Brasil nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Com um wazari sobre a oponente, Rafaela conquistou 10 pontos e soube administrar a luta até o final, com o apoio da torcida brasileira.

Nas disputas de hoje (8), Rafaela já havia vencido a romena Corina Caprioriu, a alemã Myriam Roper, a sul-coreana Kim Jandi e a húngara Hedvig Karakas. A portuguesa Telma Monteiro venceu por um yuko a romena Corina Caprioriu e ficou com a medalha de bronze.

Rafaela Silva é carioca, tem 24 anos, e cresceu na comunidade Cidade de Deus. Começou a praticar judô com 5 anos, em uma academia na rua de sua casa. Aos 8 anos, entrou no Instituto Reação, no Rio de Janeiro.

Em 2011, ganhou a medalha de prata nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, no México e, em 2015, conquistou a de bronze no Pan de Toronto. Também foi foi vice-campeã mundial em Paris 2011. Na Olimpíada de 2012, em Londres, Rafaela foi desclassificada pelos juízes na segunda rodada por um golpe ilegal.

Rafaela conquistou a medalha de ouro no Mundial de Judô de 2013, prata no Mundial de 2011 e bronze no World Masters de 2012.

Esporte: Equipe de Futsal Poçõense, STARLIGHT FUTEBOL CLUBE segue invicta na Copa verão em barra do choça

Share Button

 2 partidas 2 vitorias no ultimo sábado (09), derrotou a equipe da casa por uma goleada de 4×1