Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Category Archives: Plantão Policial

Polícia recupera pertences de vítimas após assaltos

Share Button

Dois assaltos ocorridos no Rio Vermelho na noite desta terça-feira (22), em localidades diferentes do bairro, foram rapidamente solucionados por integrantes da 12ª Companhia Independente da Polícia Militar. Dinheiro, smartphone e outros pertences das vítimas dos roubos foram resgatados e devolvidos aos donos.

Entre os bandidos havia um menor, conduzido para a Delegacia para o Adolescente Infrator (Dai). Os outros três foram apresentados ao Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (Gerrc). A primeira dupla, composta pelo jovem Ednei Carvalho Neves Júnior, conhecido como ‘Pito’, e um adolescente de 17 anos, anunciou o assalto ao ônibus que fazia a linha Rio das Pedras/Campo Grande R1, por volta das 18 horas, quando o coletivo estava nas proximidades do ‘Restaurante Sukiyaki’, na Avenida Oceânica.

Detidos nas proximidades do ‘Bompreço’ do Rio Vermelho, por policiais de uma Base Móvel da PM, eles foram flagrados com um revólver calibre 38, 12 aparelhos móveis e dinheiro roubado dos passageiros.

Embora sem passagens pela polícia, Pito foi reconhecido por equipes do Gercc em assaltos a outros coletivos, também nas proximidades do Rio Vermelho. Em depoimento, confessou ser reincidente , citando ações feitas na Vila Matos e nas proximidades da Ceasinha.

Guarnições da mesma companhia conseguiram prender Jonatan de Araújo Gois e Eswilson dos Santos Andrade, após transeuntes informarem o assalto a um ônibus na Rua do Canal, por volta das 20 horas. Em rondas realizadas na região, a dupla foi alcançada na Vasco da Gama com os pertences das vítimas e um simulacro de arma. Eles também revelaram ter descartado um revólver de calibre 32 utilizada na ação, quando avistaram a viatura.

PM captura quadrilha 24h horas após roubo a banco em Goiânia

Share Button

Cinco homens foram presos no município baiano de Riacho de Santana e com eles apreendidos aproximadamente R$ 100 mil e um carro roubadoGuarnições do Pelotão Especial Tático Operacional (Peto) da 38ª Companhia Independente da Polícia Militar (Bom Jesus da Lapa) prenderam, no município baiano de Riacho de Santana, na tarde desta quarta-feira (23), cinco homens acusados de roubar a agência do Bradesco da Avenida Anhanguera, no Setor Leste Vila Nova, em Goiânia. O crime ocorreu ontem e a Força-Tarefa da Secretaria da Segurança Pública da Bahia de combate a roubos a bancos vislumbrou a possibilidade de fuga para território baiano e deu início às apurações do caso.

Entre os presos já estão identificados Bruno Sales Delfino Batista, Yves Matheus Miranda Correia Silva e Gustavo Ribeiro da Cruz. Com o bando foram apreendidos R$ 100 mil em notas de 50 e 100 e um veículo roubado, modelo IX 35, cor preta, com placa de Aparecida de Goiânia.

Através das imagens do circuito de câmeras do banco identificamos o grupo e começamos a acompanhar o deslocamento dele até entrar na Bahia. Quando confirmamos a passagem da quadrilha por Santa Maria da Vitória e Bom Jesus da Lapa montamos um bloqueio e efetuamos a captura”, contou o coordenador da Força-Tarefa, major PM Marcelo Barreto.

O comandante da 38ª CIPM, major PM Luís Augusto de Carvalho Normanha, destacou que não houve resistência e que um dos assaltantes comentou que o grupo pretendia gastar parte do dinheiro em Porto Seguro. O responsável pela 24ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Bom Jesus da Lapa), delegado Jackson Trindade, informou que uma equipe da Polícia Civil de Goiás já está em deslocamento e fará a remoção dos presos para Goiânia.Cinco homens foram presos no município baiano de Riacho de Santana e com eles apreendidos aproximadamente R$ 100 mil e um carro roubadoCinco homens foram presos no município baiano de Riacho de Santana e com eles apreendidos aproximadamente R$ 100 mil e um carro roubado

Três traficantes são presos em ônibus interestadual na Bahia Trio foi encaminhado com os entorpecentes para a delegacia de polícia judiciária local

Share Button

Ao perceber a fiscalização dos PRFs, o jovem tentou esconder a cocaína e os pinos no banheiro do ônibusDivulgação/Polícia Rodoviária Federal

Três homens foram presos transportando drogas em um ônibus, na tarde de segunda-feira (21). O flagrante ocorreu por volta das 15h30, no km 830 da BR-116, município de Vitória da Conquista, que fica a 509 km de Salvador.

Com um jovem de 19 anos, os policiais encontraram cerca de um quilo de substância análoga à cocaína, além de 1.000  pinos secos, que são utilizados para embalar e comercializar o entorpecente.

 Ao perceber a fiscalização dos PRFs, o jovem tentou esconder a cocaína e os pinos no banheiro do ônibus. Ao ser questionado pelos policiais, o indivíduo informou que adquiriu a droga em São Paulo e iria comercializá-la em Serrinha.

Ainda durante fiscalização no ônibus, os policiais encontraram com outro passageiro, de 21 anos, 53 pinos com substância análoga à cocaína e com um jovem de 21 anos, que viajava ao seu lado, mais 20 pinos contendo o mesmo entorpecente, além de pequena quantidade de substância análoga à maconha.

Os suspeitos informaram que compraram a droga e tinham como destino a cidade de Teofilândia. Os três foram encaminhados com os entorpecentes para a delegacia de polícia judiciária local.

A cara de pau dos traficantes parece não ter limites

Share Button

O Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e a Coordenação de Operações Especiais (COE) apreenderam 1,6 kg de maconha em uma encomenda enviada pelo correio. Há um ano, as equipes das duas unidades realizam este tipo de operação com o intuito de interceptar drogas que saem da Bahia com diversos destinos.

Polícia prende 32 advogados ligados ao crime organizado

Share Button

A Polícia Civil deflagrou nesta terça-feira (22) a Operação Ethos que investiga uma organização criminosa que atua no sistema penitenciário do estado de São Paulo. Segundo as investigações, a organização é formada por advogados e presos. Entre os detidos nesta manhã, está o vice-presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos (Condepe), Luiz Carlos dos Santos. Ele é suspeito de ter recebido R$ 130 mil de uma facção para “desestabilizar a Secretaria da Segurança Pública (SSP) por meio de falsas denúncias aos organismos de proteção dos direitos humanos”.

Ele e mais 40 advogados são alvos dos mandados de prisão da Operação Ethos, desencadeada em conjunto pela Polícia Civil de São Paulo e o Ministério Público Estadual (MPE).

Os trabalhos de investigação coordenados pela Polícia Civil, de Presidente Prudente (SP), começaram há um ano e foram identificados o envolvimento de 55 pessoas. Até às 10h30, tinham sido detidos 33 suspeitos, dos quais 31 advogados. Segundo a Polícia Civil, entre os envolvidos, 14 são presos do Sistema Penitenciário Paulista e seriam os líderes de uma célula criminosa denominada R.

Além do Ministério Público e do apoio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), participam da operação policiais civis da capital paulista, da Grande são Paulo, de São José dos Campos, de Campinas, de Bauru, de Santos, de Sorocaba, de Piracicaba e de Araçatuba.

O secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, e o subprocurador-geral de Justiça de Políticas Criminais e Institucionais do MP de São Paulo, Mário Sarrubbo, apresentarão mais detalhes da operação em entrevista coletiva, às 15h.

(Agência Brasil)

Quadrilha de roubo de cargas é desarticulada

Share Button

Cinco pessoas foram presas e três veículos apreendidos depois da polícia ser informada sobre um homem armado na frente de hotel em GuanambiUma ação conjunta da 22ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), da Delegacia Territorial (DT) e do 17º Batalhão de Polícia Militar (BPM), sediados em Guanambi, desarticulou uma quadrilha de roubo de cargas que agia na divisa dos estados da Bahia e de Minas Gerais.
Os policiais prenderam cinco pessoas e apreenderam três veículos, três armas de fogo, sendo duas pistolas e um revólver calibre 38, dois bloqueadores de rastreador de veículo e máscaras. A informação de que um homem portava uma arma na frente de um hotel, nas imediações da rodoviária, levou uma equipe da DT/Guanambi até o local, dando assim início às prisões.
Anestaldo de Almeida Filho, de 28 anos, Guilherme Junio Fernandes da Costa, 50, Nelben Santana Reis, 27, Clessem Malheiros de Assis, 28, e Cláudio Medeiros de Assis, 30, foram conduzidos para a cadeia pública de Guanambi. Todo o material aprendido, incluindo os veículos Jetta, Honda Fit e VW 8.160, foi encaminhado para pericia no Departamento de Polícia Técnica (DPT)Cinco pessoas foram presas e três veículos apreendidos depois da polícia ser informada sobre um homem armado na frente de hotel em GuanambiCinco pessoas foram presas e três veículos apreendidos depois da polícia ser informada sobre um homem armado na frente de hotel em GuanambiCinco pessoas foram presas e três veículos apreendidos depois da polícia ser informada sobre um homem armado na frente de hotel em GuanambiCinco pessoas foram presas e três veículos apreendidos depois da polícia ser informada sobre um homem armado na frente de hotel em Guanambi

Recuperadas mais 24 cabeças de gado furtadas

Share Button

Lindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anosMais 24 Lindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anoscabeças de gado furtadas foram recuperadas, no sábado (19), na zona rural de Olindina, por uma equipe da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação do Departamento de Polícia do Interior (Cati/Depin). Os animais estavam na residência do cigano Lindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anos.
Os investigadores da Cati apuravam denúncias de furto de animais em pequenas propriedades rurais em Olindina e cidades próximas, quando receberam a informação de que Lindomar possuia algumas cabeças adquiridas de maneira irregular.
Ao ser interrogado pela polícia, o cigano disse que comprou os animais de um homem identificado pelo apelido de Pelé, que está sendo procurado. Na casa de Lindomar, os policiais encontraram ainda uma pistola 380, uma espingarda calibre 12, munições diversas, notas promissórias, cheques e documentos em nomes de terceiros e a quantia de R$ 5,5 mil.
Lindomar foi encaminhado a Delegacia Territorial (DT), de Alagoinhas, e autuado em flagrante pela posse das armas e munições. Ele também foi indiciado pela receptação do gado furtado. Alguns pequenos criadores da região já foram à unidade onde recuperaram seus animais.Lindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anosLindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anosLindomar Barreto da Silva, o Tonhão, de 45 anos

Após ser solto em audiência de custódia, homem tem prisão decretada suspeito de estuprar filha Homem abusou da filha de 14 anos por três dias seguidos até ela fugir de casa

Share Button
Suspeito havia sido solto seis horas após ser preso em flagrante, em uma audiência de custódiaReprodução/google Street View

O homem de 49 anos suspeito de estuprar a filha, de 14, teve a prisão preventiva decretada, após ser solto na audiência de custódia na última sexta-feira (18), no município de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. Segundo a  delegada titular da Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher),  Decimária Gonçalves, o suspeito se apresentou na delegacia na segunda-feira (21) acompanhado de um advogado após a prisão ser decretada pela juíza da Vara de Violência e já está no presídio.

O suspeito havia sido solto seis horas após ser preso em flagrante, em uma audiência de custódia, após o juiz alegar que o homem responderia em liberdade para evitar problemas que encontraria na prisão por conta da intolerância com que estupradores são recebidos na cadeia, segundo a Polícia Militar.

O pai foi preso após uma menina e 14 anos fugir de casa depois de passar três dias sendo violentada pelo próprio suspeito. Segundo a 77ªCIPM (Companhia Independente de Polícia Militar), a adolescente saiu de casa com uma mochila velha e poucas peças de roupas dentro de uma caixa de sapato e R$ 30. Uma guarnição da companhia realizava rondas por volta de 6h no Anel Viário quando se deparou com um táxi com a adolescente no interior do veiculo.

Quando o taxista e a menina foram abordados, ela se mostrou arredia e não explicou para onde estava indo. O taxista informou que a menina pediu para ir para um local longe da cidade, e que estava com receio de levá-la, pois a adolescente estava sozinha.

Após um tempo de conversa, a adolescente contou que o pai tentou violentá-la no dia 8 de novembro, mas não conseguiu. Uma semana depois, na segunda-feira (15), ele conseguiu cometer o abuso, que se repetiu mais vezes nos próximos dois dias.

Uma guarnição se deslocou até a casa da adolescente, situada no bairro Vila Marina, nas proximidades da avenida Juracy Magalhães, onde encontrou o acusado,  que foi preso em flagrante. Ele confessou o crime e não acreditou que a filha houvesse o denunciado.

PF cumpre mandados de busca e um de prisão contra pornografia infantil Mandados são cumpridos em Ilhéus, Salvador e Uruçuca nesta terça-feira. Operação ocorre na Bahia e em mais 15 estados contra rede criminosa.

Share Button
Polícia Federal recolheu material durante mandados de busca e apreensão (Foto: PF/Divulgação)Polícia Federal recolheu material durante
mandados de busca e apreensão
(Foto: PF/Divulgação)

A Polícia Federal cumpre três mandados de busca e um mandado de prisão na Bahia, nesta terça-feira (22), durante a operação Darknet II, que combate uma rede de distribuição de pornografia infantil na internet em mais 15 estados.

Os alvos dos mandados na Bahia estão nas cidades de Ilhéus, Salvador e Uruçuca. A polícia não detalhou a identidade dos investigados e onde são cumpridos cada um dos mandados.

No total, a operação cumpre 70 mandados de prisão, busca e apreensão também no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Maranhão, Pará e Amazonas.

Mais de 300 policiais federais integram a segunda fase da operação. São investigadas 67 pessoas suspeitas de trocarem e distribuírem fotos e vídeos com conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes. Sete ordens judiciais foram antecipadas durante a investigação para evitar o possível abuso de crianças no Rio de Janeiro, Distrito Federal e Paraná.

Em Pernambuco, um universitário foi preso sob suspeita de pedofilia na internet. No Pará, um suspeito de envolvimento em uma rede de distribuição de pornografia infantil na internet foi preso em flagrante.

Na Paraíba, uma pessoa foi presa em flagrante durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em João Pessoa. Conforme a PF, desde a primeira operação da Darknet, em 2014, é desenvolvida uma metodologia para investigar e identificar usuários da chamada Deep Web, considerado um meio para divulgação de conteúdos de maneira anônima.

Ainda de acordo com a Polícia Federal, estes ambientes virtuais são arquitetados para impossibilitar a identificação do ponto de acesso (IP) ao ocultar o real usuário que acessa a rede.

Padrasto que estuprava enteada ameaçava matar mãe e irmãos caso vítima contasse sobre os abusos Homem costumava ameaçar enteada com uma faca e foi denunciado pela própria companheira

Share Button
José Carlos esperava a mãe da garota sair de casa para cometer a violênciaDivulgação/Polícia Civil

O homem acusado de estuprar a enteada, no município de  Pindobaçu, localizado a 414 km de Salvador, prometia matar a mãe e os irmãos da menina caso ela contasse sobre os abusos sofridos.

José Carlos da Silva, de 60 anos, foi preso, na sexta-feira (18),  em cumprimento a um mandado de prisão por estupro, expedido pela comarca da cidade. A polícia apurou que José Carlos esperava a mãe da garota sair de casa para cometer a violência, utilizando uma faca para ameaçar a vítima.

O homem foi denunciado à polícia pela própria companheira e ficará custodiado na carceragem da DT/Pindobaçu, à disposição da Justiça.